Share
Save

Simpósio ILSI/ABRAN: Impacto da alimentação nas doenças agudas e crônicas

Simpósio ILSI no XXIII Congresso Brasileiro de Nutrologia
São Paulo, Brasil
26/09/2019
Centro de Convenções Frei Caneca

ILSI Brasil realiza simpósio no XXIII Congresso da ABRAN

 Palestras discutiram o impacto da alimentação nas doenças agudas e crônicas, com especialistas das áreas de saúde e nutrição

De 26 a 28 de setembro, o Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo, foi palco do XXIII Congresso Brasileiro de Nutrologia, organizado pela Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN). No primeiro dia de palestras, o International Life Sciences Institute (ILSI) Brasil foi destaque em simpósio que contou com a participação de três de suas Forças-Tarefa: Alimentos Fortificados e Suplementos Alimentares, Alimentos Funcionais e Nutrição da Criança. As discussões foram coordenadas pelo Professor Emérito da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo (FCF USP), Franco Lajolo; Dr. Hélio Vannucchi, professor da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP); e Flavia Goldfinger, Diretora Executiva do Instituto.

O primeiro a palestrar foi o Pediatra Rubens Feferbaum, Diretor Científico da Nutrinfância e Professor do Instituto da Criança da Faculdade de Medicina da USP. Com o tema “O paradoxo da proteína na saúde e doença da criança”, o palestrante ressaltou a importância de  uma alimentação com todos os aminoácidos necessários para a manutenção da saúde infantil. Dr. Rubens comentou, ainda, que existem doenças causadas pelo déficit de proteínas na alimentação.

Fibras alimentares e doenças crônicas foi o tema da segunda palestra do simpósio, ministrada pelo Dr. João Paulo Fabi, Professor do Departamento De Alimentos E Nutrição Experimental Faculdade De Ciências Farmacêuticas da USP. Na apresentação, ele falou sobre a ingestão diária de frutas e verduras como fonte de vitaminas, minerais, metabólitos secundários e, principalmente, fibras alimentares. Esta rotina pode ajudar na diminuição do risco das DCNT (doenças cardiovasculares, doenças respiratórias crônicas, diabetes mellitus e neoplasias). Foram apontados, também, estudos de novas matérias-primas alimentares, como subproduto do comércio de frutas e derivados; novas metodologias para desenvolvimento de farinhas de frutas; e novos processos  para extração das pectinas bioativas.

O Dr. Jarlei Fiamocini, Professor Assistente da Universidade de São Paulo e Biólogo, falou sobre Ácidos graxos poliinsaturados e Doenças Crônicas, apontando alguns dos principais benefícios do óleo de peixe. Ele apresentou dados científicos que indicam que a oxidação beta peroxissomal induzida por este tipo de óleo protege contra obesidade e intolerância à glicose[LZ1] .

Fechando as discussões, o Dr. Hamilton Roschel, Mestre em Farmacologia e Doutor em Genética Humana e Biologia Molecular pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Gerente de Pesquisa Avançada na L’Oréal e Diretor da Episkin, realizou uma palestra sobre a necessidade proteica do idoso. Em seguida, a Dra. Kristy Soraya Coelho, Nutricionista e Pesquisadora do Food Research Center (FoRC), abordou os temas nutrição personalizada, composição de alimentos e inteligência artificial.

 

 

Programação:

O paradoxo da proteína na saúde e doença da criança (Dr. Rubens Feferbaum – Instituto da Criança)

Fibras alimentares e doenças crônicas: uma nova perspectiva sobre polissacarídeos bioativos (Dr. João Paulo Fabi – FCF USP)

PUFAs e Doenças Crônicas (Dr. Jarlei Fiamoncini – FCF USP)

Necessidade proteica do idoso (Dr. Hamilton Roschel – EEFE USP)

Nutrição personalizada, doenças crônicas e inteligência artificial (Kristy Soraya Coelho – FCF USP)

 

Mais informações em: http://www.abran.org.br/essencea/admeventos/admcj/congresso2019/home/index.php